Palestra Itália – O fim. Ou não.

1 06 2010

Olá a todos,
Estive pensando muito nesse post, sobre o que escrever, qual a conclusão chegamos e aonde vamos.
Estive nesse sábado, 22 de Maio de 2010, em minha casa, Palestra Itália, em seu jogo de despedida. Um jogo que simboliza muito mais do que a vitória sobre o rival. Era o fim de um estádio maravilhoso cujo qual me deu maravilhosas alegrias, tristezas e aprendizados.
Por muita coincidência, meu primeiro jogo no Palestra Itália foi Palmeiras 5 x 1 Grêmio, pelo campeonato brasileiro de 1997 exatamente no dia 26 de Outubro de 1997.
Eu tinha apenas 10 anos na época. Antes disso, só havia visto um jogo do Palmeiras no Morumbi, não lembro contra quem e o porque, mas meu pai me levou saindo da casa do meu falecido bisavô, palmeirense fanático.
Há uma diferença gigante até hoje em assistir os jogos fora. Hoje o Palmeiras joga na Arena Barueri e no Pacaembú, com a reforma do Palestra Itália. E como é diferente. Não tenho vontade de ir aos jogos, pois não me sinto em casa como sempre me senti no Palestra.
13 anos depois da primeira vez que fui ao estádio, a emoção foi a mesma. Contra o mesmo time, no mesmo gramado, comemorando gols. O meu primeiro jogo foi 5. O último foi 4. Mas a emoção foi a mesma.
Chorei. Inevitavelmente. Talvez até pela incerteza de que um dia voltarei. Com a atual diretoria do Palmeiras, e principalmente a atual oposição, é quase impossível afirmar que voltarei. Dessa vez à arena.
Deixo aqui um trecho do canto de uma musica da torcida organizada Mancha Alvi-Verde, que não cantamos na despedida, mas eu cantei, baixinho, só pra mim:
“Foi no Palestra Itália, que eu vi acontecer, na Libertadores o meu Palmeiras vencer…”
Eu vi no Palestra a vitória na Libertadores. Vi jogos que indicavam rebaixamento, fui a todos os jogos da série B, alguns inclusive fora de SP, vi meu Palmeiras sendo eliminado jogando no estilo Caio Jr. em pleno Palestra e no mesmo dia a alegria de ver nosso principal rival rebaixar.
No último jogo do Palestra era nítido como as pessoas sentiam. Os torcedores se despediam com beijos na arquibancada, no placar… Eu mesmo o fiz. Confesso. Tirei várias fotos, fiquei até tarde no Palestra cantando com parte da torcida. Foi a última vez. Mesmo que a Arena esteja em pé em 2012. Foi a ultima vez no Palestra Itália.
Até 2012 há muito o que acontecer, que fiquem as saudades e lembranças positivas e a torcida para que tudo ocorra normalmente e voltemos ao Palestra, aliais, agora, Arena Palestra Itália.
ps.: Depois indico link para o Picasa com as fotos da despedida do Palmeiras.

Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: